Casas e ambientes comerciais iluminados

A iluminação valoriza o imóvel ou edificação e inibe a ação de marginais.

 

IMG_9962 IMG_9966 IMG_9970

A iluminação é uma importante ferramenta utilizada na hora de idealizar e compor um espaço ou uma edificação. A luz condiciona a nossa maneira de ver e sentir cada ambiente e através dela podemos criar cenas diferentes para ocasiões diferentes num mesmo espaço. A iluminação de exteriores funciona da mesma forma, temos que aliar a beleza com a funcionalidade. A luz externa deve cumprir o papel de valorizar a edificação, orientar e garantir a segurança dos moradores e visitantes.

As áreas externas das residências nunca foram tão valorizadas pelas famílias, seja nos churrascos de domingo ou no relax depois do expediente num dia corrido. Então nada mais justo que iluminarmos da maneira correta esse espaço para podermos utilizá-lo durante o dia e a noite.

A sensação de segurança está intimamente ligada à qualidade da luz que chega aos nossos olhos. A iluminação da entrada da edificação além de ser o cartão de visitas da casa é importantíssima. Quando utilizada da maneira correta vai deixar a sua chegada mais segura e ajudar a identificar visitantes não desejados. O mesmo vale para os fundos da residência ou o quintal, posicionar as luminárias em lugares estratégicos com acionamento com sensor de movimentos e também com a opção de interruptor interno são detalhes que deixam a sua casa muito mais segura. A iluminação com acionamento automático em um horário pré-estipulado garante segurança e pode evitar assaltos quando os moradores estiverem viajando, por exemplo. Deve-se cuidar para que a iluminação não cause ofuscamento, já que uma luminária mal posicionada pode dificultar a identificação de um estranho.

Devemos iluminar e delimitar os caminhos para que se possa caminhar com segurança no jardim durante a noite, pode-se utilizar balizadores ou pequenos postes. Detalhes decorativos podem ser realçados, bem como plantas ou decoração do jardim, e tudo isso ajuda a deixa-lo ainda mais agradável.

As luminárias de uso externo precisam ser fabricadas para este fim, evitando manutenção excessiva e até mesmo a necessidade de troca da peça. Quando for efetuar a compra é preciso saber qual o Índice de Proteção da Luminária (IP) – proteção contra contato, entrada de corpos sólidos estranhos (como a poeira) e proteção quando expostas à água. Segundo a OSRAM o índice mínimo para luminárias externas deve ser IP44.

Uma ótima opção para economizar energia são as luminárias solares. Elas não requerem instalação elétrica, precisam somente ser fixadas em um lugar sob a luz do sol. Durante o dia ela capta a luz do sol para carregar a pilha e ao escurecer ela acende automaticamente, apagando pela manhã.

 

1

 

Publicado em: JORNAL DE BELTRÃO Terça-feira, 24.3.2015